Card - Nota FEN_Piso de Enfermagem

Nota da Faculdade de Enfermagem UFG

Atualizada em 21/09/22 14:04.

Sobre o piso salarial nacional do Enfermeiro, do Técnico de Enfermagem, do Auxilar de Enfermagem e da Parteira

A Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás manifesta grande consternação e preocupação com a suspensão da implantação do Piso Salarial da Enfermagem.

Foto 01 - Nota FEN_Piso de Enfermagem Foto 02 - Nota FEN_Piso de Enfermagem

A Lei nº 14.434, de 4 de agosto de 2022, que institui o piso salarial nacional do Enfermeiro, do Técnico de Enfermagem, do Auxiliar de Enfermagem e da Parteira, é uma conquista de grande valia para o reconhecimento e valorização da profissão. A inexistência de um piso salarial impacta negativamente na atuação destes profissionais no âmbito dos serviços do sistema de saúde, que precisam atuar em dois ou mais postos de trabalho para alcançar renda mais digna e gera restrição importante na possibilidade da necessária qualificação permanente de enfermeiros ao longo da vida profissional. Destacamos, ainda, que o enfermeiro que não tem seu piso salarial garantido fica impossibilitado de se qualificar participando de cursos de pós-graduação lato sensu, mestrado e doutorado, nos quais se capacitariam para desenvolvimento de habilidades e pesquisas científicas em busca de evidências que possam ser aplicadas em sua prática profissional. Com isso, pode haver significativo impedimento para a concretização da missão da Faculdade de Enfermagem da UFG.

Preocupamo-nos imensamente com o futuro da Enfermagem brasileira, que enfrenta um contexto de barreiras para implementação da referida legislação, o que provoca sentimentos de insegurança, frustração e desvalorização.Ter um piso salarial para os profissionais de enfermagem é valorizá-la e, valorizar a enfermagem é valorizar o cuidado seguro, a vida e o sistema de saúde brasileiro!

Foto 03 - Nota FEN_Piso de Enfermagem Foto 04 - Nota FEN_Piso de Enfermagem Foto 05 - Nota FEN_Piso de Enfermagem

Fonte: Comissão de Comunicação - FEN/UFG

Categorias: Notícias Noticias